Atentado

Servidor que atirou em procurador e promotor no RN se entrega

Guilherme Wanderley Lopes se entregou na manhã deste sábado (25). Procurador-geral adjunto e um promotor foram baleados nesta sexta-feira.

O servidor do Ministério Público Guilherme Wanderley Lopes da Silva se entregou à Polícia, na manhã deste sábado (25).  Ele estava sendo procurado desde o final da manhã desta sexta-feira (24), quando atirou contra procurador-geral de Justiça adjunto, Jovino Sobrinho, e o promotor público Wendell Beetoven.

De acordo com a assessoria de comunicação da Polícia Militar, Guilherme se entregou no  Quartel do Comando Geral da Polícia Militar.

G1 RN

Economia

China, Chile e Egito retiram veto total da importação de carne brasileira

Pelo menos 3 países retiraram o veto total à importação da carne brasileira até este sábado (25). China, Chile e Egito disseram que vão reabrir os mercados para as carnes do Brasil, exceto para os 21 frigoríficos investigados pela Operação Carne Fraca. Anteriormente, os países tinham anunciado a suspensão para todas as empresas brasileiras.

A União Europeia manteve a restrição para a carne brasileira dos estabelecimentos citados na Operação Carne Fraca. A União Europeia tem um peso importante nas exportações de carnes do Brasil. O valor importado pelo bloco em 2016 foi de US$ 1,75 bilhão.

G1

Ex-presidente da Câmara

Advogados não sabem do que Eduardo Cunha é capaz se continuar preso

Reação de Cunha se continuar preso é imprevisível, avaliam advogados

O ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha passou a apostar todas as suas fichas no julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal) do habeas corpus em que pede para ser libertado. A reação, em caso de derrota, é considerada imprevisível por defensores que atuam no caso.

“Se perder e continuar preso, ele vai surtar”, diz um interlocutor de Cunha na área jurídica, afirmando que a expectativa do ex-deputado sobre o STF é muito positiva. Na terça (21), ele sofreu derrota acachapante no STJ (Superior Tribunal de Justiça), quando o mesmo habeas corpus foi rejeitado por 5 a 0.

Da Folha: MÔNICA BERGAMO

FIERN em João Câmara

Prefeito de João Câmara mantém entendimentos com o SENAI e o CTGAS-ER

A inauguração do escritório da FIERN em João Câmara, na sexta-feira, 17, começa a render frutos. O prefeito do município, Maurício Caetano, esteve nessa quarta-feira, 22, no SENAI-RN, na Casa da Indústria, e no Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis-CTGAS-ER (Consórcio SENAI/Petrobras), mantendo entendimentos, respectivamente, com a diretora Roseanne Azevedo, e com diretora Executiva, Cândida Amália Aragão.

O objetivo foi discutir parceria, conhecer as instalações do Centro e encaminhar a realização de cursos, nas áreas das energias Eólica e Solar, bem como em Segurança no Trabalho, visando qualificar a mão de obra local, para atender a crescente demanda que se registra em João Câmara, o maior polo de parques eólicos do Rio grande do Norte, que já conta com 125 unidades instaladas, sendo o maior gerador de energia eólica do Brasil. Cândida Amália apresentou a grade de serviços, cursos e pesquisas da instituição e disse da satisfação em poder participar das ações de desenvolvimento do município, colocando à disposição a estrutura educacional do CTGAS-ER.

Com visão estratégica de que o desenvolvimento só pode ocorrer com Educação, Ciência e Tecnologia, o prefeito demonstrou interesse em conhecer o potencial do CTGAS-ER, visando fazer parcerias e fortalecer, no município, a oferta de cursos e treinamentos, para a qualificação da mão de obra local, atendendo a jovens e adultos.

O prefeito Maurício Caetano e secretários visitaram os laboratórios de Mapas e Dados de Recursos Energéticos e os de Energia Eólica e Solar, recebendo as explicações pelos especialistas, principalmente sobre as energias renováveis. Maior município do Mato Grande, João Câmara também visa expandir as ações no setor da energia solar, haja vista as condições propícias da região.

Fonte: FIERN

Federação das Indústrias do RN

FIERN emite Nota sobre a aprovação da terceirização

A Câmaras dos Deputados, com a importante participação dos Deputados Fábio Faria, Felipe Maia e Rogério Marinho, aprovou a regulamentação da terceirização através do PL 4302/98.

A aprovação representa um avanço significativo para a retomada do crescimento econômico, com a melhoria do ambiente de negócios, a segurança jurídica e a consequente geração de emprego e renda. Além de representar um momento decisivo para a modernização das relações de trabalho no Brasil.

No Rio Grande do Norte, a regulamentação fortalecerá diversos segmentos industriais, notadamente, construção civil e confecções.

O Sistema FIERN, além de parabenizar os Deputados potiguares que corajosamente contribuíram para a modernização das relações do trabalho e para a segurança jurídica de contratos e empreendimentos, saúda a regulamentação da terceirização com a certeza de que a medida é apropriada e necessária para a vitalidade da economia nacional.

PRESIDENTE DA FIERN (Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte)
AMARO SALES

Sistema Penitenciário

Governo do RN desiste de ter cadeias em contêineres

Após anunciar que contêineres seriam usados para abrigar detentos no Rio Grande do Norte, o governo voltou atrás. As estruturas de metal não serão mais usadas. A decisão havia sido tomada em janeiro, após as rebeliões na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, que deixaram 26 mortos.

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, havia confirmado o aluguel de 50 módulos habitáveis, com capacidade para 20 presos cada um, que seriam adaptados para servir de cela até a destruição parcial da estrutura de Alcaçuz. Mas, segundo o secretário de Justiça e Cidadania, Wallber Virgolino, isso não vai mais acontecer.

“A parte de presídios já está decidido que não será em contêineres. O governador já anunciou que duas novas unidades prisionais serão construídas em Afonso Bezerra. Essa questão de contêineres em relação à Sejuc ficou apenas na parte do estudo de viabilidade. Agora está fora de cogitação”, disse o secretário.

Delegacias

Um novo pregão eletrônico será realizado para comprar os contêineres que serão usados como delegacias em Natal e Mossoró. Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), uma nova pesquisa de mercado é necessária, já que os valores propostos no primeiro pregão ficaram acima do orçamento inicial.

A ideia de usar módulos habitáveis metálicos como delegacias começou a ser divulgada pelo governo do estado em 2016, conforme nota divulgada pela Polícia Civil em 26 de setembro do ano passado. As unidades comportariam todas as funcionalidades das delegacias convencionais, inclusive espaços de recepção, sala de investigação, cartório, sala do delegado, banheiros e vestiários masculinos e femininos.

De acordo com o governo, cada delegacia será montada usando uma estrutura de 16 módulos. O objetivo inicial é que passem a funcionar nesse formato a 11ª DP (Cidade Satélite), a 13ª DP (Redinha) e a 15ª DP (Ponta Negra), em Natal, bem como a Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) de Mossoró.

Fonte: G1 RN

Canonização

Papa Francisco autoriza canonização dos Mártires do RN, diz arquidiocese

Arquidiocese de Natal diz que santificação deve acontecer ainda este ano. Massacres em Cunhaú e Uruaçu, em 1645, vitimaram mais de 80 fiéis.

Os mártires de Cunhaú e Uruaçu, vítimas de massacres ocorridos em julho e outubro de 1645 nos municípios de Canguaretama e São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte, devem ser declarados santos pelo Vaticano ainda este ano. Foi o que anunciou nesta quinta-feira (23) a assessoria de comunicação da Arquidiocese de Natal.

Nos dois episódios, mais de 80 fiéis foram brutalmente assassinados por ódio à Igreja Católica. Destes, 30 foram martirizados, incluindo os padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, e mais o camponês Mateus Moreira, que teve o coração arrancado. A maioria das vítimas foi trancada dentro de igrejas, que foram incendiadas por invasores holandeses.

Segundo o arcebispo Dom Jaime Veira Rocha, só falta o papa Francisco marcar a data da cerimônia, "o que deve acontecer ainda este ano".

Ainda de acordo com a Arquidiocese de Natal, a autorização para o ato de santificação dos mártires do RN foi confirmada durante audiência realizada na manhã desta quinta no Vaticano, onde o papa Francisco recebeu o cardeal Ângelo Amato, prefeito da Congregação das Causas dos Santos.

 

Fonte: G1 RN

Corrupção

Tesoureiro de Dilma pediu caixa 2 para comprar partidos, diz ex-diretor da Odebrecht ao TSE

Ex-executivo da empreiteira Odebrecht, Alexandrino Alencar disse em depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que Edinho Silva, tesoureiro da campanha de Dilma Rousseff em 2014 e atual prefeito de Araraquara, pediu caixa 2 em 2014 para comprar partidos da coligação da chapa Dilma e Temer.

Ele falou ao TSE como testemunha nas ações que tramitam no tribunal pedindo a cassação da chapa Dilma-Temer por suposto abuso de poder político e econômico na eleição presidencial de 2014.

O ex-diretor da Odebrecht afirmou que o então tesoureiro da campanha de Dilma pediu dinheiro para cinco partidos – R$ 7 milhões para cada legenda. 

Alencar disse ter ficado responsável por PROS, PCdoB e PRB.  Em troca, os partidos dariam o tempo de TV para a chapa.

 

Fonte: Andréia Sadi - G1

Seleção Brasileira

Brasil goleia Uruguai e pode garantir vaga na terça

Com três gols do volante Paulinho e atuação inspirada de Neymar, com direito a gol por cobertura, Seleção faz por 4 a 1 sobre o vice-líder Uruguai em Montevidéu e vence a sétima seguida nas eliminatórias.

Teve direito a carrasco. Teve mais um show de Neymar. Teve dois golaços. Teve outra boa atuação do Brasil. Teve mais uma vitória. Com a goleada de 4 a 1 sobre o Uruguai na noite desta quinta-feira, no Estádio Centenário, a Seleção seguiu imbatível sob o comando de Tite nas eliminatórias. A sétima vitória seguida, com três gols de Paulinho, um de Neymar e ''Olé'' em Montevidéu, deixou a equipe com um pé na Copa de 2018. Uma vitória sobre o Paraguai na próxima terça, em São Paulo, pode selar a classificação. A Seleção precisa vencer e torcer por tropeços de Equador e Chile.

Fonte: GE

Terror no Reino Unido

Ataque perto do Parlamento britânico em Londres deixa 4 mortos, incluindo suspeito

Policial aponta arma para homem caído no chão que seria os suspeito de cometer o ataque. Na imagem, é possível ver que agente pisa sobre faca (Foto: Stefan Rousseau/PA via AP)

Um ataque fora do Parlamento britânico, em Londres, deixou 4 mortos, incluindo uma mulher e um policial, além do próprio suspeito de ser o autor da agressão, segundo o chefe de contra-terrorismo da Scotland Yard, Mark Rowley. O incidente ocorreu na tarde desta quarta-feira (22). Há também pelo menos 20 feridos.

A polícia britânica acredita que houve apenas um agressor envolvido, e trata o incidente como um ataque terrorista até que a motivação do ataque seja esclarecida.

O ataque começou quando um carro que passava pela Ponte de Westminster atropelou um grupo de pessoas. O suspeito deixou o veículo preto e avançou em direção ao Parlamento, atingindo um policial com uma faca, que acabaria morrendo. Pouco depois, foram ouvidos disparos. O agressor foi baleado pela polícia e morreu também.

"Estamos tratando isto como um incidente terrorista até que tenhamos informações contrárias", disse a polícia em comunicado.

Entre os feridos há uma mulher foi retirada do Rio Tâmisa viva após o ataque, informou a Autoridade Portuária de Londres (PLA). Ela está recebendo tratamento para ferimentos graves.

 

Fonte: G1

Reforma da Previdência

Deputados pedem informações ao governo após alteração da PEC da Previdência

Deputados integrantes da comissão especial que analisa a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016, que trata da reforma da Previdência, cobraram do deputado Carlos Marun (PMDB-MS), presidente do colegiado, a volta de representantes do governo à Câmara para explicar as mudanças no projeto após a retirada de servidores estaduais e municipais da proposta.

O presidente Michel Temer anunciou ontem (21) a retirada de servidores de estados e municípios da reforma, ao lado do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e do relator da PEC 287, Arthur Maia (PPS-BA). Segundo Marun, no entanto, ainda não há mensagem do Executivo à comissão modificando a PEC.

Para deputados contrários à reforma da Previdência, há dificuldade em prosseguir com as discussões sem o comunicado oficial e esclarecimentos quanto aos pontos que o governo modificará na PEC e como ficam os números relacionados à sustentabilidade previdenciária com as mudanças.

“O ministro do Planejamento [Dyogo de Oliveira, que esteve ontem na comissão] fez todo um esforço para mostrar o quanto isso [déficit dos estados e municípios] era importante e o presidente anunciou que ia tirar fora”, argumentou o deputado Pepe Vargas (PT-RS).

O deputado Assis do Couto (PDT-PR) disse que, ao retirar os servidores estaduais e municipais, o governo permite que o peso da reforma caia apenas sobre uma parte da população. “Está ficando nessa reforma o peão de fábrica e o colono que produz alimento. O governo fez uma leitura que servidor, Exército, polícia podem se mobilizar e estão ficando [na reforma] os mais fracos”, criticou.

O deputado Carlos Marun disse não ver dificuldade em continuar debatendo a reforma, já que o anúncio oficial de Temer ocorreu após o presidente ter se encontrado com parlamentares. Ele afirmou ainda que mudanças na proposta ao longo da tramitação são naturais. “Já aconteceram mudanças e podem acontecer outras. Esse é o papel do parlamento”, afirmou.

Trabalhadores rurais

A comissão especial da PEC da Previdência discute, nesta quarta-feira (22), a aposentadoria dos trabalhadores rurais. Atualmente, esse grupo pode aposentar-se apenas comprovando que realiza atividade no campo, sem necessidade de tempo mínimo de contribuição. Para os que têm condições de contribuir, o cálculo da alíquota é feito sobre o valor da produção.

Com a PEC 287, a contribuição passa a ser obrigatória e individual. Além disso, os trabalhadores rurais terão de ter no mínimo 65 anos de idade e 25 anos de contribuição para se aposentar.

 

Texto: Mariana Branco – Repórter da Agência Brasil

Economia

Exportação de carne caiu após Operação Carne Fraca, diz Maggi

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, disse hoje (22) que os problemas identificados na Operação Carne Fraca, da Polícia Federal, são questões “localizadas” e “pontuais” de desvio de conduta de servidores.

Blairo Maggi defendeu o sistema e controle de qualidade da carne brasileira e disse que com o episódio a imagem do país ficou “arranhada” e “abalada”, impactando nas vendas para o mercado externo. De acordo com o ministro, a média diária de exportação brasileira de carnes é de US$ 63 milhões e ontem (21) ficou em US$ 74 mil.

“Estamos falando de números estratosféricos. Não sabemos o tamanho da pancada que vamos levar ainda”, disse.

O ministro estimou que o Brasil poderá ter um prejuízo de até US$1,5 bilhão por ano com os desdobramentos da Operação Carne Fraca. “Os prejuízos que vamos ter serão muito grandes".

A grosso modo, o Brasil terá uma oscilação de mercado de aproximadamente 10% "num volume de US$ 15 bilhões que exportamos por ano nessas carnes. Vamos ver aí R$ 1

bilhão, R$ 1,5 bilhão de prejuízo por ano".

O ministro participa nesta tarde de audiência pública conjunta das comissões de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) e de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado. Aos senadores, o ministro disse que os problemas identificados na operação não são predominantemente de qualidade da carne, mas sim problemas relacionados à corrupção e desvios de conduta.

“Quero defender o sistema brasileiro de controle, o sistema que atesta esses produtos. Não tenho dúvida nenhuma em afirmar que esse problema que aconteceu é localizado, pontual, um problema de desvio de conduta dos servidores”, disse.

Blairo Maggi disse que foi pego de surpresa com a forma que a operação da Polícia Federal foi divulgada e que a narrativa feita trouxe problemas à credibilidade da carne brasileira no mercado internacional.

“Em nenhum momento questionamos a ação da Polícia Federal de investigar os fatos que foram a ela denunciados. Quero deixar claro que não podemos fazer a defesa daqueles que fizeram coisa errada, mas, da forma como ela foi conduzida e apresentada à população brasileira é que digo que fomos pegos de surpresa. Anos e anos trabalhando para chegar a uma credibilidade nacional e mundial e a narrativa que foi feita nos trouxe esse problema”, disse.

Por mais de uma vez, o ministro ressaltou que não é contra as investigações da PF. “Não somos contra a investigação da Polícia Federal. As investigações não vão parar por que achamos que foi comunicada de forma errada”, disse.

 

Texto: Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil

Homenagem

Escola de Música da UFRN homenageia o cantor Pedrinho Mendes em evento no dia 29

Alunos de Canto Popular da Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (EMUFRN) realizam no próximo dia 29 de março, a partir das 19h, o evento Sonho Concreto, em homenagem ao cantor, violonista e compositor Pedrinho Mendes. O evento acontece no auditório Onofre Lopes, da EMUFRN, e os ingressos já estão à venda.

Pedrinho Mendes é compositor de sucessos como Linda Baby e Esquina do Continente, entre outros. O show tem participação de artistas como Ágata Menezes, Anna Leandro, Camila Masiso, Daniela Fernandes, David Henry, Jaque Morais, Nayara Freire, Diogo Guanabara, Franklyn Novaes e Jorge Lima. A coordenação é das professoras Cláudia Roberta Cunha e Maria Clara Gonzaga.

A canção que dá nome ao show, Sonho Concreto, foi a primeira composição do artista homenageado, há 40 anos. Os interessados em assistir ao show em tributo a Pedrinho Mendes devem adquirir os ingressos na Secretaria de Eventos da EMUFRN, de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 18h. Os preços praticados são R$ 20 a entrada inteira e R$ 10 a meia-entrada.

 

Blog do BG com informações da UFRN

Fuga

Quatro presos fogem da Cadeia Pública de Natal, registra delegacia

Quatro presos fugiram da Cadeia Pública de Natal, como é mais conhecido o Presídio Provisório Raimundo Nonato, no último dia 16. É o que consta em um Boletim de Ocorrência registrado nesta segunda-feira (20) na 12° Delegacia de Polícia Civil. “Não houve registro de arrombamento, nem de violação que justifique a fuga desses presos. Vamos apurar se houve facilitação”, afirmou o delegado Jodelci Pinheiro Borges, titular da 12° DP.

No Boletim constam os nomes dos presos fugitivos: Wilson Alves da silveira, Marcone Torres Lima de Souza, Antônio Marcos Sena da Silva e Francisco Argemiro Ferreira dos Santos.

A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Justiça e Cidadania, que ficou de se pronunciar por meio de uma nota.

A possibilidade de facilitação não é a única linha de investigação. A polícia apura que eles podem ter pulado o muro da unidade. “A demora para fazer o Boletim de Ocorrência pode ter sido em função de alguma recontagem. Na apuração do inquérito vamos esclarecer os fatos”, explicou o delegado.

Fugas de 2017 no sistema prisional potiguar:

- Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta: 56 presos em 1 fuga (janeiro);

- Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró: 4 fugitivos em 2 fugas (1° de janeiro e 20 de março);

- Penitenciária Estadual de Parnamirim, em Parnamirim: 14 fugitivos em 1 fuga (7 de janeiro);

- Centro de Detenção Provisória da Zona Norte, em Natal: 6 fugitivos em 1 fuga (3 de janeiro);

- Presídio Provisório Raimundo Nonanto Fernandes (Cadeia Pública de Natal), em Natal: 4 fugitivos em 1 fuga (16 de março).

 

G1

Chuvas

EMPARN prevê chuvas mais intensas até o fim de março

Para os próximos dias – fim de março e início de abril – o setor de meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), prevê o retorno de chuvas mais intensas, principalmente por conta da mudança de estação. Nessa segunda-feira, por volta das 7h29, aconteceu o equinócio de outono.

As chuvas tem caído com menos intensidade nos últimos dias em quase todo o estado, mas a regularidade continua. No último domingo, Dia de São José, há registros de precipitações na parte da tarde na região do Vale do Assu e Serra de Santana.

Analisando as condições climáticas, com base nos modelos e nas imagens do satélite meteorológico, o gerente da meteorologia, Gilmar Bristot, prevê chuvas mais concentradas com a melhora das condições de instabilidade, principalmente com a umidade mais elevada e as águas superficiais mais frias no Pacífico Equatorial. A previsão deve se confirmar também com as condições favoráveis do Oceano Atlântico e com a presença da Zona de Convergência Intertropical.

ANÁLISE

Para a análise e previsão da próxima quadra chuvosa de abril a junho, o gerente de Meteorologia da EMPARN, Gilmar Bristot, estará amanhã em Recife participando da reunião dos meteorologistas do Nordeste e de instituições nacionais, na Agência Pernambucana de Meteorologia (APAC). A previsão será focada no Leste da região Nordeste, que inclui todo o litoral entre o Rio Grande do Norte e Alagoas. Na próxima quinta-feira, Gilmar Bristot fará uma palestra na Escola de Governo, no Centro Administrativo, dentro da Semana da Água, para falar sobre as previsões climáticas, já com os dados da reunião de Recife.

REGISTROS

De sexta-feira (17) até a manhã desta segunda-feira (20), a meteorologia teve o registro de chuvas em 38 postos pluviométricos. Choveu mais forte na mesorregião Oeste em Campo Grande, 39,2mm; Paraná, 21,3mm; Frutuoso Gomes, 20,0mm e Serrinha dos Pintos, 15mm. Choveu ainda em Tenente Ananias e São Rafael, entre outros.

Na mesorregião Central choveu mais forte em Fernando Pedroza, 31,9mm; Florânia, 26,8mm; Equador, 24,9mm e Angicos, 21,4mm. Também choveu em Ouro Branco, Santana do Matos e Caicó, entre outros municípios. Na mesorregião Leste choveu em Extremoz, 3,0mm; Natal, 1,1mm e ainda em Senador Georgino Avelino, Baía Formosa e Ceará-Mirim.

 

 

Blog do BG

Economia

Aumento da oferta deve fazer com que preço da carne bovina caia no Brasil

O preço da carne bovina deve cair no Brasil. A suspensão da compra do produto por países estrangeiros forçará produtores que têm gado confinado e pronto para o abate a aumentarem a oferta para os frigoríficos nacionais.

AMPULHETA

“Num primeiro momento, é o que vai ocorrer, não tem jeito”, diz Ricardo Merola, fundador e ex-presidente da Assocon, a associação nacional dos confinadores de gado. Ele acredita, no entanto, que o fenômeno não deve durar muito. “A sorte é que há pouco gado confinado hoje no Brasil”, afirma.

A JATO

Os animais confinados ganham 1,8 kg por dia e, em cem dias, estão prontos para o abate. Já os que estão no pasto demoram em torno de 24 meses para chegar ao peso ideal. E poderão permanecer mais tempo no campo, esperando que a crise seja superada.

REPRESA

A dúvida é se os frigoríficos brasileiros, que devem ser beneficiados com a queda de preço num primeiro momento, repassarão a baixa aos supermercados.

LIMITE

Já o presidente da Abiec (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne), Antônio Jorge Camardelli, acredita que não há espaço para redução de preços via aumento de oferta devido à queda do consumo de carne nos últimos dois anos no Brasil. “O ano de 2015 foi fatídico e 2016 também foi complicado”, afirma.

MESMO LUGAR

No caso da carne de aves, o raciocínio é o mesmo. Segundo Francisco Turra, presidente da ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal), “não tem espaço na recessão para aumentar o consumo interno”.

LUZ

As três lideranças dizem acreditar, porém, que o fluxo de exportação será retomado com os esclarecimentos que estão sendo prestados pelo Brasil ao mundo.

Mônica Bergamo – Folha de São Paulo

Continuara preso!

JUSTIÇA NEGA LIBERDADE A EIKE BATISTA.

 

 
Por dois votos a um, os desembargadores do Tribunal Regional Federal negaram o habeas corpus ao empresário Eike Batista. O julgamento aconteceu na tarde desta quarta (8) no Rio.
Com a decisão, o ex-bilionário permanece no presídio de Bangu. O órgão ainda julga outros dois pedidos, do ex-subsecretário-adjunto de Comunicação do Estado do Rio, Francisco de Assis Neto, e do operador financeiro do ex-governador Sérgio Cabral, Carlos Bezerra.
A Procuradoria Regional da República defendeu que ele responda aos processos por corrupção ativa e lavagem de dinheiro na cadeia. Isso porque considera que a liberdade dos três traz riscos às investigações da Lava-Jato. “Para o Núcleo Criminal de Combate à Corrupção, as prisões preventivas de Eike, Kiko e Bezerra continuam necessárias para garantir a ordem pública e a aplicação da lei penal”, diz trecho do documento.
 
Fonte blog do Valdemar tiba

Ação policial!!

Suspeito de matar policial em shopping durante assalto é preso em Belém do Pará

 

 

Policiais da Delegacia Especializada de Furtos e Roubos prenderam na noite desta quarta-feira (08), um homem suspeito de ter assassinado o policial militar Daniel de Oliveira Pessoa em um shopping, na zona Norte no início do ano. O preso que não teve o nome revelado estava escondido na cidade de Belém no Estado do Pará.

 

De acordo com a delegada Ana Paula Diniz nenhuma informação sobre a operação que culminou com a prisão do suspeito e outros envolvidos será repassada antes da coletiva de imprensa marcada para o fim da manhã desta quinta-feira (09). Segundo fontes so PortalBO a arma que pertencia ao policial foi recuperada.

Fonte Blog do Robson Pires

 

 

Próximo Última Página